Desde 2016 a WNI, como integradora fim a fim, atendendo operadora de telecomunicações, ativou mais de 65 mil clientes (circuitos FTTx) residenciais e corporativos através de rede de fibra óptica com tecnologia GPON.

Neste projeto no modelo de TurnKey, a WNI foi responsável pelo fornecimento e implantação dos equipamentos centrais OLTs e de assinantes (ONTs) além de todos os materiais necessários para lançamento de rede externa de fibra óptica primária e secundária (aérea e subterrânea), fornecimento e lançamento de mais de 10 mil quilômetros de cabo de fibra drop para redes de acesso, inúmeros km de cabos de fibra (de 6 a 144 fibras), instalação de caixas de emenda, fusões, prumadas em condomínios verticais e horizontais, além vistoria, projeto de rede e triagem de equipamentos em laboratório.

A WNI foi responsável pela manutenção de toda a rede para os mais de 65 mil clientes, prestando serviços de suporte técnico e manutenções corretivas, emergências e programadas abrangendo toda a rede primária, secundária e de acesso até o assinante (residencial e corporativo). Também realizamos serviços de melhoria na rede, realizando adequações e reconstruções das redes de fibra e caixas de emenda.

Para este projeto foram alocados mais de 90 técnicos de implantação e manutenção com estrutura para prestar atendimento 24x7x365, além de equipes de back-office para suporte, projetos e gerenciamento de todas as etapas.

Além da estrutura administrativa e gerencial, com almoxarifado central e laboratório na sede em Curitiba, contamos com escritórios operacionais com supervisores e almoxarifados locais nas cidades de Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Apucarana, Maringá, Cascavel e Foz do Iguaçu. Esta estrutura se tornou necessária em função da distribuição geográfica dos 66 municípios distribuídos no estado do Paraná dos quais a WNI foi responsável por todas as atividades descritas.

Com nossa ampla experiência em projetos turnkey, contando com equipamentos e materiais para pronta entrega e equipes altamente treinadas, foi possível reduzir os prazos de atendimento para ativação de clientes de 6 dias para 24 horas, além de SLA´s reduzidos para serviços de manutenção da rede e assinantes.